Fabricados nos Estados Unidos, os pianos da marca Steinway & Sons são reconhecidos mundialmente pela qualidade e atenção aos detalhes na fabricação, que inclui muitas fases realizadas de forma artesanal. Os instrumentos não possuem componentes plásticos, tendo 85% de sua composição em madeira.

Adquirido há seis anos, por meio de processo de importação, o piano só foi entregue à UFSM no mês de abril, em função de problemas no embarque e, posteriormente, por danificações em virtude do transporte.  O investimento foi de US$ 126.300,00, o equivalente acerca de R$ 210 mil, conforme a cotação do dólar na época, em torno de R$ 1,67. O piano está instalado no Centro de Convenções e deverá ser usado por pianistas para concertos e também em outros eventos da área da música que demandem o uso do instrumento.

O modelo D indica o tamanho do piano: são 2,74 m de comprimento - o maior piano existente no mercado. Trata-se de um modelo de concerto, considerado o preferido entre os grandes pianistas e presente nas melhores salas de concerto do mundo. A caixa de ressonância do instrumento, a popular cauda, é maior, e, portanto, as cordas são mais longas, o que gera maior potência de som, o suficiente para “encher” uma grande sala. 

Mais informações: http://www.cc.ufsm.br/index.php/piano/regras